Quatro moradores de rua morrem e quatro são internados em Barueri

Vítimas sofriam convulsões no momento em que foram localizadas por guardas municipais da Grande São Paulo. Suspeita é de envenenamento

Quatro homens em situação de rua foram encontrados mortos, por volta das 8h30 deste sábado (16), em frente a uma padaria em Barueri, na Grande São Paulo, com suspeita de envenenamento. 


Todos os mortos eram do sexo masculino e tinham entre 39 e 49.

Outras quatro pessoas, que estavam no mesmo grupo, foram levadas ao Pronto-Socorro Central, de acordo com a Guarda Municipal da cidade. São três homens e uma mulher — todos estão em estado grave.

Até o momento, nenhum suspeito foi preso. 

Segundo informações dos guardas, denunciantes anônimos ligaram para os agentes, informando sobre esses moradores, que estavam convulsionando.

Um dos sobreviventes afirmou que uma garrafa com bebida alcoólica lhe foi oferecida por desconhecidos na capital paulista, na região conhecida como Cracolândia, e que todas as vítimas compartilharam do líquido momentos antes de passarem mal pela rua Duque de Caxias (região central de Barueri).

A Polícia Civil já apreendeu a garrafa e solicitou perícia técnica do conteúdo. O caso ainda está em investigação pela Delegacia Sede de Barueri.

O Instituto Médico Legal (IML) de Osasco informou que nenhum corpo chegou no local, por hora.

A Prefeitura de Barueri confimou o nome das oito vítimas. Os quatro mortos são: Denis da Silva (idade não identificada), Luiz Pereira da Silva (49 anos), Marlon Alves Gonçalves (39 anos), Edson Sampaio da Silva (40 anos). 

Os feridos que estão em estado grave no Hospital Municipal de Barueri são: Renilton Ribeiro Freitas (43 anos), Silvia Helena Euripes (54 anos), Vinicius Salles Cardoso (31 anos). No Pronto-Socorro Central está Sidnei Ferreira de Araújo Leme (38 anos), também em estado grave.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.