Jovem sai de delegacia depois prestar queixa contra ex e é assassinada por ele


Jovem morta a tiros avisou à mãe que ex-namorado a perseguia

Adrielli Rodrigues, de 22 anos, foi baleada após sair da delegacia em São Manuel, onde registrou um boletim de ocorrência contra o suspeito

No município de São Manuel, interior de São Paulo, a jovem Adrielli Rodrigues, de 22 anos, foi morta com quatro tiros no peito, quando andava de moto, na nessa quinta-feira (14/11/2019). Ela havia mandado uma mensagem para mãe minutos antes de ser baleada, dizendo que estava sendo perseguida pelo ex-namorado. Para a polícia, ele é o principal suspeito.

Na mensagem, Adrielli Rodrigues mandou uma foto do ex, Cristiano Gomes, em uma moto. A mãe da jovem, Kate Cilene Roberta da Cruz, contou à reportagem da TV TEM que a filha tinha acabado de registrar um boletim de ocorrência contra Cristiano por agressões e ameaças na delegacia e pedido uma medida protetiva.

Na postagem, ela fala para mãe que agora tinha provas de que ele a perseguia. A jovem foi atingida após sair da delegacia, quando estava em uma motocicleta na quadra 1 da rua Francisco da Cruz Mellão, onde o suspeito estaria esperando ela passar.


Suspeito fugiu
Segundo a polícia, ele disparou cinco vezes e quatro tiros atingiram Adrielli. Ela chegou a ser socorrida e encaminhada para o Hospital das Clínicas de Botucatu, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Após os disparos, o suspeito fugiu.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.