Anúncio

Uber permitirá que motoristas mulheres realizem corridas apenas com passageiras mulheres

Novidade estará disponível no começo de novembro inicialmente para Curitiba, Campinas e Fortaleza e deve ser expandida para outras cidades a partir de 2020.


A Uber anunciou nesta quinta-feira (24) o programa “Elas na Direção”, que permitirá que motoristas mulheres possam escolher corridas apenas com passageiras mulheres.

O programa vale a partir da primeira semana de novembro em 3 cidades: Campinas, Curitiba e Fortaleza. A iniciativa será expandida no próximo ano para outras cidades do país onde o aplicativo atua.

Com a ferramenta U-elas, as mulheres que dirigem para a Uber poderão ligar e desligar a opção de corridas com passageiras mulheres a qualquer momento.

O lançamento desse projeto é parte de uma iniciativa da empresa de trazer mais mulheres para a plataforma. Segundo Claudia Woods, diretora da Uber no Brasil, apenas 6% dos 600 mil motoristas parceiros no Brasil são mulheres.


“Elas são 42% da população economicamente ativa. Por que isso não se reflete no número de motoristas?”, disse Claudia.
O objetivo final do programa é permitir também que passageiras possam escolher apenas motoristas mulheres. “Mas isso é algo que só será possível quando tivermos uma quantidade maior de mulheres dirigindo”, afirmou Woods.

De acordo com ela, a Uber identificou que as principais preocupações das mulheres para começar a dirigir na plataforma são segurança (citada por 64% delas) e dificuldade de acesso a um carro (citado por 36%).

Por isso, a empresa também firmou uma parceria com a locadora Localiza, para que mulheres nas cidades parceiras consigam acesso a um carro a custos reduzidos e sem a necessidade de cartão de crédito. Nas demais cidades, haverá um desconto de 10% para motoristas parceiras.


Segundo Tatiana Rocha, diretora de marketing da Localiza, a empresa já tem um programa específico de aluguel para motoristas de aplicativo.

“Desde 2018 oferecemos um produto que permite pagar o aluguel com os ganhos da Uber e com pagamentos semanais. Os descontos para mulheres são somados a isso”, afirmou Tatiana.

A Localiza vai levar a parceria para outros cidades conforme o programa for sendo expandido pela Uber.

O programa “Elas na Direção” também tem apelo para novas motoristas, como a garantia de renda mínima de R$ 1.500 nas primeiras 100 corridas, além de acesso a um programa de parcerias do Uber, que vale para todos os motoristas parceiros, com descontos em academia, instituições de ensino e planos e desconto em exames médicos e laboratoriais.

Via G1

Nenhum comentário

Anúncio

Tecnologia do Blogger.