Paulista vence e conquista o acesso à Série A3

O Paulista não está mais no chamado “inferno do futebol do estado”. Enterrou na tarde deste sábado (19) a sua série de tristezas e enfim deu uma alegria ao seu torcedor. O Galo está de volta à 3ª divisão do Paulistão, a Série A3. Com uma presença da massa apaixonada vestindo as cores do Tricolor na sua casa, o estádio Doutor Jayme Cintra, o time venceu o Flamengo de Guarulhos por 2 a 1 (já havia vencido o jogo de ida por 2 a 0, na semana passada), conquistando o tão sonhado acesso.

Acesso, este, que foi conquistado de maneira irretocável. E o jogo da vaga mostrou toda segurança que o time conquistou na campanha. A defesa não tomou quase sustos na partida. O meio-campo foi bastante criativo. E o ataque, quando precisou, fez os gols.

Na primeira metade do tempo inicial somente o Tricolor jogou. Mesmo com a vantagem de 2 a 0 no agregado, a equipe queria dar mais alegrias ao seu torcedor e sempre esteve na área adversária. Mas pecou muito na finalização, em chutes tortos de Nenê e Edinan.

O Flamengo, acuado, sequer chegou ao gol de Matheus Lopes. Ele nem precisaria lavar o seu uniforme, caso desejasse, após os 45 minutos, de tão limpo que estava.

O segundo tempo começou do mesmo ritmo. E o Galo chegou ao primeiro gol aos 13 minutos. Em jogada coletiva no setor esquerdo, a bola sobrou limpa para Edinan que, da entrada da área, só teve o trabalho de escolher o canto e marcar; 1 a 0 para o Paulista.

Mas no minuto seguinte o time de Edison Fio ficou com 10 jogadores. Pedro Demarchi, que já tinha cartão amarelo, recebeu o segundo e foi expulso. E no lance seguinte o Flamengo fez o seu gol, em jogada confusa, que teve último toque de Wallace.

O Galo chegou a recuar, já que, o acesso a essa altura já estava garantido. O Flamengo, por sua vez, que precisava vencer por três gols de diferença, não tinha forças sequer para virar o jogo.

E na reta final quem marcou foi o Galo. Matheus aproveitou cruzamento da direita de Nenê, para aos 40 minutos fazer o gol do acesso. E de carrinho na pequena área. Para começar a festa e a torcida gritar: “O campeão voltou”.

No apito final do árbitro Lucas Canetto Bellote foi apenas o início de uma festa que não tem hora para acabar neste sábado para o elenco, comissão técnica e todos os torcedores do Paulista. Galo de volta a A3.


PAULISTA – Técnico: Edison Fio
Matheus Lopes; Victor Emerson, Joaquim, João Paulo e Yan; Demarchi e Gabriel Terra; Nenê, Matheus (Daniel) e Jeferson (Kawan); Edinan (Carlinhos)

FLAMENGO – Técnico: João Batista
Zé Carlos; Naílton, Rômulo, Joao Paulo e Vínicius; Dedé (Gustavo Oliveira) e Wallace; Custódio e Bruno Freitas; Vitinho (Luquinhas) e Piauí

Arbitro: Lucas Canetto Bellote
Assistentes: Daniel Luis Marques e Marco Antonio de Andrade Motta Junior

Gols: Edinan, aos 13min do 2º tempo (1-0); Wallace, aos 17min do 2º tempo (1-1); Matheus aos 40 do 2º tempo.

Cartão amarelo: Edinan (Paulista); Vitinho e Custódio (Flamengo)
Cartão vermelho: Pedro Demarchi (Paulista) – aos 14 minutos do 2º tempo por 2º amarelo

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.