Anúncio

JUNDIAÍ ; SOBREVIVENTE DIZ QUE MOTORISTA DIRIGIA EM ALTA VELOCIDADE COM VAN ANTES DE ATROPELAR VÍTIMAS EM LANCHONETE

O adolescente de 17 anos que sobreviveu ao atropelamento de uma van dirigida por um motorista bêbado, no Jardim Tamoio, em Jundiaí (SP), estava sentado na calçada, na noite de sábado (12), e contou à polícia que o motorista estava em alta velocidade. Uma jovem de 29 anos morreu no local.


De acordo com o boletim de ocorrência, o homem de 41 anos perdeu o controle do carro e invadiu uma lanchonete. Ele foi preso por homicídio culposo e lesão corporal culposa.

O suspeito estava pela rua José Lins do Rego em uma van, com placas de Bragança Paulista, quando não fez a curva na via.

O menino contou à polícia no hospital que estava sentado na frente do estabelecimento quando o veículo surgiu em alta velocidade, o atropelou e parou dentro do comércio. Ao todo, quatro vítimas foram atingidas.

Devido ao impacto, Thamyres Soares Marques Jacinto, filha da dona da lanchonete, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. A mãe dela, de 51 anos, e a irmã de 17 anos, foram socorridas para o pronto-socorro.

A garota passou por uma cirurgia na perna e permanece internada, a mãe já teve alta. O jovem de 17 anos que também foi atingido, teve ferimentos leves.

Ainda segundo o boletim, após o acidente, os moradores agrediram o motorista. Uma equipe foi acionada e fez o teste do bafômetro, que apontou 0,31 mg de álcool por litro de ar.

O homem foi levado para a delegacia, onde foi autuado por homicídio culposo na direção de veículo automotor e lesão corporal culposa, e ficou à disposição da Justiça. Ele deve passar por audiência de custódia na manhã desta segunda-feira (14).

Nenhum comentário

Anúncio

Tecnologia do Blogger.