Anúncio

Homem que atirou na cunhada em Itupeva se apresenta na DIG

Apresentou-se nesta quarta-feira (9), na Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jundiaí, o autor de um disparo de arma de fogo que vitimou sua própria cunhada, em Itupeva, no último dia 6. Elias Francisco da Silva estava acompanhado de advogado e confirmou que atirou na auxiliar de produção Zenailde da Silva Flores, de 36 anos. Segundo ele, o tiro foi dado durante discussão entre os dois.


Os companheiros dos envolvidos testemunharam o crime. Zenailde foi atingida no estômago e socorrida pelo marido, que a levou até o hospital local. Por conta da gravidade dos feridos – teve três órgãos perfurados -, ela precisou ser transferida ao Hospital de Caridade São Vicente de Paulo, em Jundiaí, onde permanece internada em estado grave.


Nesta quarta, Silva prestou depoimento ao delegado Carlos Eduardo Barbosa Soares. Ele vinha sendo investigado por uma equipe da DIG (Gigio, Vanessa, Mario e Talibã), que acompanhou a oitiva, notando que o interrogado em nenhum momento mostrou arrependimento.


Segundo o declarante, ele e a cunhada discutiram por algum tempo, até que ele resolveu ir ao quarto e pegar uma arma de fogo que tinha em casa. Voltou, então, para a sala e continuou discutindo com a mulher, contra quem disparou na altura do estômago.


A arma tinha a numeração raspada e foi comprada, segundo Silva, de um homem desconhecido, não dando mais nenhum detalhe sobre o suposto vendedor. Disse que, após o disparo, resolveu fugir, decidindo se apresentar posteriormente com advogado.


A naturalidade como confessou o crime impressionou os experientes policiais da DIG, incluindo o investigador-chefe Marcio. De acordo com a equipe que investigou o caso, ele irá responder por tentativa de assassinato, agravada pela qualificadora de “motivo fútil”, e posse ilegal de arma de fogo.
Silva também deve ter requerido nos próximos dias um mandado de prisão. Ele trabalha como pedreiro e mora na Estrada Municipal Vale das Pedras, local onde o crime foi praticado.
Reportagem: Redação Imprensa Policial

Nenhum comentário

Anúncio

Tecnologia do Blogger.