Anúncio

GCM do Canil de Itupeva ministra Seminário no Rio Grande do Norte


Após diversos casos de repercussão nacional em que Max, cão K9 da GCM de Itupeva, e toda equipe do Canil atuou para solucionar desaparecimentos, como no último, da jovem Aline Silva Dantas, em Alumínio/SP, fez com que a técnica Mantrailing começasse a expandir pelo país. No último final de semana, o GCM Santos ao lado da GCMF de Itu, Rossetti, ministrou o Seminário Mantrailing no Rio Grande Norte.

O evento contou com a participação de Militares do Exército, Policiais Militares, Policiais Civis e Agentes Penitenciários do estado potiguar, além de Policiais Militares da Paraíba e Policiais Civis de Pernambuco.

Durante os três dias, Santos e Rossetti explicaram sobre as técnicas do trabalho de busca e resgate através de ensinamentos teóricos e práticos. “Fomos convidados e treinados pela instrutora Ana Beatriz Albernaz do GBR Paulista (Grupo de Busca e Resgate) para ministrar esse Seminário na cidade de Natal. Fiquei muito feliz, pois é o reconhecimento de um trabalho realizado aqui em Itupeva”, comentou o GCM Santos.

“Também ressalto a importância da expansão dessa técnica por todo país. Este é um trabalho que muitas vezes não tem um final feliz, mas, por outro lado acaba com o sofrimento de diversas famílias”, concluiu o GCM.

Com o caso de Alumínio, Max chegou à sua 25ª ocorrência.


Técnica Mantrailing - O Mantrailing é baseado na habilidade do cão de farejar um odor específico, ignorando as distrações como demais odores e assim encontrar com sucesso a pessoa em específico.

O binômio entre homem e cão é fundamental para uma trilha de sucesso, onde na trilha, no local com a informação do último local visto, o cão é iniciado com a apresentação do artigo de odor, sendo possível qualquer objeto que a vítima tenha tido contato. O cão seguirá esse cheiro individual na trilha, que é deixada lá por pdcs (partícula decomposição celular), células mortas da pele e as menores partículas que os seres humanos constantemente derramam.

O condutor por sua vez, irá fazer toda a leitura do comportamento do cão e com isso irá trilhar e eliminar áreas, assim chegando até a vítima ou indicando outras informações, como por exemplo, situação em que a pessoa pegou uma carona.

Homenagem - Por atuações em diversas ocorrências pelo estado e até em Minas Gerais, com auxílio do cão da raça Bloodhound, especialista em busca de pessoas, o Canil da GCM de Itupeva foi homenageado recentemente na Assembleia Legislativa pelo deputado estadual Alexandre Pereira.

Nenhum comentário

Anúncio

Tecnologia do Blogger.