Cachorro é morto com tijolada após discussão entre vizinhos no interior de SP


Cachorro é morto com tijolada após discussão entre vizinhos em Tabatinga

Cão da raça Shih-tzu teria feito xixi na roda do carro de um homem que está construindo uma casa no bairro, quando começou a discussão e agressões.

Um cachorro foi morto com uma tijolada após uma discussão entre vizinhos na manhã de terça-feira (22), no bairro Parque Imperial, em Tabatinga (SP).

A dona do animal, Ivaneti Chiari, de 54 anos, conta que costumava passear com dois cachorros da raça Shih-tzu na praça que fica em frente à casa dela. Na manhã de terça-feira, um dos cães teria feito xixi na roda do carro de um homem que está construindo uma casa no bairro.

De acordo com a nora de Ivaneti, Lidiane Silva, os vizinhos começaram uma discussão e no meio da confusão, o vizinho pegou um tijolo e atingiu um dos cachorros na cabeça. O animal, que tinha o nome de Bob, não resistiu ao ferimento e morreu na hora.

Lidiane contou que a sogra foi para cima do agressor e que o homem também jogou o tijolo na cabeça dela e passou a agredi-la em seguida. Eles foram separados por pedreiros que trabalhavam na obra.

A família ficou revoltada com a situação e fez uma postagem nas redes sociais relatando o ocorrido. A publicação já teve centenas de reações e comentários no Facebook, e a família disse que vai abrir um processo contra o agressor.

Na versão do vizinho, relatada à polícia, a mulher saía passear com os cachorros todos os dias e os animais sempre faziam necessidades na calçada da casa dele. Segundo relato do homem à polícia, a mulher não as recolhia e ele já havia conversado com ela várias vezes para que tomasse providências.

O vizinho também contou à polícia que teria atirado uma pedra com um estilingue no cachorro, apenas para assustá-lo. No entanto, a mulher começou a discutir com ele, o que culminou em agressões recíprocas.

Durante a discussão, o cachorro também teria avançado no homem, que arremessou o tijolo para se defender.

A Polícia Militar foi chamada para atender a ocorrência e os dois vizinhos foram encaminhados para o pronto-socorro com lesões leves. Segundo a nora, a mulher levou pontos na cabeça por conta da tijolada.

Um boletim de ocorrência foi registrado como lesão corporal, e ato de abuso a animais. O delegado responsável pelo caso, Edison Martins Gonçalves, instaurou um termo circunstanciado que será encaminhado para a Justiça. Segundo ele, os dois envolvidos podem ser penalizados pelas agressões.

Matéria G1

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.